Liberdade é

Liberdade é insubstituível

Livre para trabalhar, para produzir, para empreender, para sonhar, para viajar, para ajudar quem precisa. Livre para fracassar, para ter sucesso, para ser rico, para perder, para ganhar. Livre para perseverar. Livre para discordar, para falar bem, falar mal. Livre para vender, comprar. Tudo isso sem que o estado interfira.

Nada disso é possível em muitos países onde a população é formada por súditos do estado. Não conhecem a liberdade, pois nasceram sem saber de sua existência. Alguns sonhadores, os que não aceitam essa modalidade de escravidão, atrevem-se a se aventurar no mar com suas famílias em busca de uma nova vida, caso consigam sobreviver, como milhares fogem de Cuba todos os anos. Algumas centenas morrem antes de conseguirem.

Eu decido para onde vou, o que faço, os riscos que assumo, quanto quero ganhar ou estou disposto a perder… Eu decido. Sou livre. Não somos e não há como sermos iguais. Uns são mais preguiçosos e outros mais dispostos. Uns são corajosos e outros covardes. Uns são honestos e outros não. Não sou igual a você e nem a seu vizinho, nem a meu vizinho, nem a meu amigo invejoso ou a minha amiga que me apoia. Apesar de amá-los, não sou igual nem ao meu pai ou minha mãe. Tenho minha própria identidade, meus desejos e sonhos que me impulsionam a lutar mais ou menos. Minha individualidade vale mais do que qualquer coletividade. Tenho liberdade de ser acomodado e de não trabalhar, se assim decidir, mas sabendo que terei que arcar com as consequências de minhas escolhas e não poderei culpar a ninguém por elas. Sim, eu tenho escolha e não quero que ninguém as faça por mim, muito menos o estado.

Isso é liberdade. Não sou igual. Serei o que eu quiser, inclusive alguém que dedicará minha vida a ajudar os mais necessitados, se assim escolher.

Liberdade vale mais do que igualdade.

Menos estado. Mais liberdade.

Posted by Geração de Valor on Tuesday, March 15, 2016

Comentários

comentários