Voceauniversidadeeseuprojetodevida

Você, a universidade e seu projeto de vida

Mentes padronizadas produzem comportamentos padronizados e, no máximo, produzem resultados padronizados. Os resultados em sua vida são transformados na medida em que sua mente experimenta sua transformação. Logo, querer conquistas diferentes comportando-se como a maioria é no mínimo um sinal de insanidade.

Isso é mais sério do que a maioria imagina e, infelizmente, não se aprende na universidade. Ou melhor, em muitos casos, lá é o lugar onde se aprende a ter um comportamento ainda mais padronizado.

Faça sua própria pesquisa, adote referenciais de sucesso dentro de áreas relacionadas ao seu projeto de vida. A universidade é apenas um lugar para você desenvolver algumas ferramentas enquanto amadurece.

Agora, se você achar que ela é o seu projeto de vida durante 4 ou 5 anos, bem vindo à boiada. Desse jeito, você vai vagar pelo campus, pelas festinhas, somente em busca de seu diploma e sem construir absolutamente nada. Depois disso, será vomitado no mercado de trabalho como mais um na multidão. Isso é muito pouco.

A universidade é um meio e não um fim. O fim é o seu projeto de vida.

Comentários

comentários

3 Comments

  1. Nathanny says:

    “Ou melhor, em muitos casos, lá é o lugar onde se aprende a ter um comportamento ainda mais padronizado.”
    Bom saber que não penso isso sozinha, nadar contra a correnteza está sendo bem difícil, mas o resultado é bastante prazeroso. Sinto que venho construindo minha própria identidade e isso, para mim, já está sendo um ótimo começo! É isso aí, ótimo post, ótimo “avante”! 😀

  2. Supervalorizam a Universidade, sendo que as mentes mais brilhantes que mudaram o mundo nem se quer a terminaram.

  3. Rubens Souss says:

    O que muita gente não sabe, é que a universidade, é um ambiente VOLTADO PARA O ACADEMICISMO! Isso significa que, é um espaço totalmente voltado para estudos, pesquisas e desenvolvimento de projetos relacionado a determinada área do conhecimento – artes, filosofia, história, ciências e etc.

    Mas muita gente pensa que a universidade é um lugar pra se formar, pegar o diploma e procurar um emprego. Nada disso. O objetivo principal é o de novas descobertas nas áreas do conhecimento. Inclusive, não é necessário de diploma pra exercer uma profissão. Pra isso, existem os cursos técnicos. Como nem todo mundo é esclarecido desse detalhe, acaba que todos supervalorizam o diploma, fazendo assim com que se despreze o principal objetivo da universidade, trazer conhecimento.

    Isso explica o porque de TANTAS “uniesquinas” que existem Brasil a fora, e porque muitos médicos formados, fazem cursinho pra entrar no CRM.

    Não se deve valorizar o DIPLOMA, e sim o CONHECIMENTO.