_0_limonada

Você é do tipo que não gosta de vender?

Talvez você ainda não tenha entendido o que de fato seja “vender”. Vender não se resume a somente promover uma troca entre um produto ou serviço por dinheiro. Vender é uma ação de influência que tem como finalidade fazer a outra parte compreender ou aceitar sua ideia, pensamento, ideologia ou simplesmente sua vontade.

Por exemplo, duas crianças brincando. Uma diz que quer parar de brincar, enquanto a outra está se divertindo muito e deseja continuar a brincadeira. Uma delas terá que ceder. A ferramenta que vai definir a vontade prevalecida é a venda.

No ambiente de trabalho, um responsável por uma equipe tem a missão de liderar o grupo, conduzindo-o a uma mesma direção, a fim de cumprir suas metas. Só há uma forma: vendendo ideias. Somente assim será possível que todos unam-se em favor de sua liderança.

Para vender, é necessário saber se comunicar. E o sucesso na arte da comunicação não está necessariamente na oratória, mas na convicção com que se articula sua oratória. Por exemplo, eu já vi um gago ter os melhores resultados de vendas numa das equipes que liderei há alguns anos. Com certeza, ele não era o que tinha a melhor oratória, mas era o que apresentava a maior convicção e empatia com os clientes na hora de se comunicar.

Vendemos a todo instante. Eu, por exemplo, estou lhe vendendo a ideia de que você é um vendedor e que precisa vender bem para conquistar seus projetos de vida. Caso esteja discordando desta ideia, provavelmente você esteja vendendo para si próprio que você não precisa vender nada para ninguém. Caso não se contenha, vai para os comentários para tentar me vender que você não tem nada para vender para quem quer que seja. Bem, nesse caso, já estaria vendendo de novo.

Admitindo ou não, somos todos vendedores. Desde crianças, quando nosso primeiro argumento de vendas para conseguirmos comida era o choro. Sendo assim, médicos, engenheiros, cabeleireiros, empreendedores ou administradores, seja em países livres, socialistas ou numa tribo indígena, quem vende melhor sua ideia, sua imagem ou seu produto são os que chegam mais longe.

Desejo a você, concordando ou não, um dia de boas vendas!

Comentários

comentários