33_Vamos falar de economia de forma bem simples

Vamos falar de economia de forma bem simples

O dólar abriu hoje a R$ 2,72. Quer entender algumas repercussões disso?

Primeiro, muitas dívidas do governo e das estatais são em dólar e isso alavanca o valor de seus passivos, ou seja, aumenta bastante o valor de suas dívidas. Lembre-se que há pouquíssimo tempo o dólar estava a R$ 1,56, o que representa que o dólar valorizou-se frente ao real cerca de 74%. Isso significa que o Brasil empobreceu como um todo. Os preços de produtos importados e com componentes importados vão subir, pressionando ainda mais a inflação no Brasil, que já está alta e machuca o bolso do brasileiro, em especial dos mais pobres.

Por que o dólar subiu tanto nos últimos dias?

O valor da moeda americana flutua em relação ao real de acordo com a lei da oferta e procura. Vou lhe dar um exemplo: se tem muito gringo acreditando no Brasil e decide investir no país, seja em projetos de implantação de empresas em território nacional ou comprando posições na bolsa brasileira, entra mais dólar no Brasil através desses investidores. Com isso, com o aumento da oferta de dólar no país, o preço fica mais barato, ou seja, o real valoriza.

Agora, se o gringo deixa de acreditar no país, deixa de investir no Brasil e, além disso, o brasileiro também percebe que o Brasil passou a ser um risco muito grande, eles passam a alocar seu patrimônio no exterior para proteger seu dinheiro dessa desvalorização. Assim, temos a saída grande de dólares do Brasil, gerando a diminuição da oferta e desvalorizando o real frente a moeda americana.

Neste momento, há um caso pontual que é o da Petrobras. Com a publicação dos balanços trimestrais da estatal sem auditoria, porque a PwC, empresa que auditava a estatal, negou-se a assinar embaixo em seus relatórios por não os considerar confiáveis, aliado ao fato de o governo brasileiro não sinalizar mudanças na gestão da companhia, mas ao contrário, mantém Graça Foster e a defende, eximindo a sua responsabilidade, o investidor internacional não está mais confiando na companhia e nem no Brasil, decidindo vender suas posições e, por isso, decide retirar, ainda que com prejuízo, seu capital, antes que perca mais. Com isso, a saída de dólares tem sido enorme nos últimos dias, desvalorizando bruscamente a moeda brasileira.

Para resumir, quando o governo cumpre metas de inflação, faz uma boa gestão nas estatais e não gasta mais do que o permitido, como vemos no Brasil, o mercado acredita no trabalho desse governo e investe com a intenção de gerar lucro para seu capital investido com risco e colaborando com o crescimento desse país. No entanto, quando os investidores não veem confiabilidade no trabalho do governo, eles pegam o dinheiro deles e vão investir em outros países que demonstram mais confiabilidade para eles. Simples assim.

Esse movimento influencia diretamente a vida da população do país em que o seu governo permite que sua economia se descontrole. Na Argentina e Venezuela, por exemplo, os investidores saíram de lá justamente por não confiarem mais no país e em suas políticas. O resultado é o caos que essas economias se tornaram e o sofrimento de suas populações.

Por isso, a economia, materializada na seriedade das contas públicas, a postura honesta e sem corrupção de um governo, é o melhor programa de inclusão social que existe, pois em apenas um ano, se o país entra no SPC do mundo, ou seja, perde o seu crédito, a população inteira é seriamente penalizada e é isso que estamos começando a ver neste momento no Brasil.

Comentários

comentários