Seria sabedoria popular ou mediocridade popular?

Seria sabedoria popular ou mediocridade popular?

Vamos aqui desfazer alguns “mitos populares”:

1. Mais vale fazer de tudo para pegar os dois pássaros do que se conformar com apenas um pássaro na mão.
2. Melhor jorrar do que pingar. Secar não é uma hipótese aceitável.
3. Mais vale a chance de grandes realizações, sem garantias, do que garantir o certo na mediocridade.
4. Em terra de cego, quem tem um olho é perseguido. (Essa não é minha, mas não me lembro do autor)
5. Se você nasceu assim, não precisa ser assim pelo resto da vida até morrer assim. A opção da mudança é sua. Não me leve a mal, Gabriela.
6. Quem nasce pobre morre pobre ou rico, a depender de suas escolhas.
7. Quem nasce rico morre pobre ou rico, a depender de suas escolhas.
8. Se você deixar a vida te levar, ela vai te levar para um lugar bem fedorento. Seja protagonista e saia da passividade. Foi mal, Zeca.

Dê ouvidos ao senso comum e termine sua vida como termina a maioria. Se quer fazer parte de uma minoria que se desgarrou desse sistema medíocre, precisa pensar diferente, criar hábitos diferentes e trabalhar de outra forma para produzir resultados diferentes.

Fácil? Ninguém disse que é fácil. Agora você pode afirmar que é impossível? Ninguém pode. Até porque eu lhe daria dezenas de exemplos que provam que é possível.

Temos um ano pela frente. Nossas escolhas vão definir como terminaremos 2017.

Comentários

comentários